Blu-ray não decola nos EUA

As vendas dos aparelhos padrão Blu-ray não deslancharam nos Estados Unidos, mesmo após a fabricante de eletrônicos Toshiba anunciar a suspensão da produção de aparelhos para o formato rival, o HD-DVD. Segundo a consultoria NPD, as vendas de aparelhos Blu-ray (com exceção dos videogames Playstation 3) caíram 40% entre janeiro e fevereiro naquele país. Entre fevereiro e março, houve um crescimento de apenas 2% nas vendas.

“Quando questionávamos os consumidores no fim do ano passado, um número impressionante deles afirmou que não iria investir em um tocador de última geração porque seus DVD players convencionais ainda funcionavam muito bem, e os novos eram excessivamente caros”, explicou Ross Rubin, diretor de análise industrial da NPD. “Está claro, nos resultados do varejo, que essa opinião ainda é maioria entre os consumidores.”

Enquanto um aparelho de DVD custa menos de US$ 100 nos Estados Unidos, tocadores de Blu-ray custam em geral US$ 400 ou mais. Havia a expectativa de que as vendas subissem este ano, porque em fevereiro a Toshiba anunciou o fim da produção do concorrente HD-DVD (especialmente após a decisão da Warner Bros. Entertainment de que focaria seus lançamentos em formato Blu-ray). Mas não foi o que ocorreu.

Outro fator que pode estar retardando um avanço nas vendas do Blu-ray é a espera pelos modelos que podem ser conectados à internet. Esses modelos poderão ser atualizados via web, além de recursos que os aparelhos atuais não possuem.

Videogames

O único aparelho com tecnologia Blu-ray que apresentou um crescimento de vendas foi o videogame Playstation 3 (PS3), da Sony – o equipamento roda seus jogos em discos Blu-ray. A empresa vendeu 257,1 mil unidades do videogame em março nos Estados Unidos, praticamente o dobro do mesmo período do ano passado.

Outra empresa de pesquisas, a ABI Research, estimou que o PS3 vai responder por mais de 85% dos tocadores de Blu-ray em uso nos Estados Unidos este ano. A ABI também afirmou que o número de tocadores de Blu-ray convencionais e em computadores só vai ultrapassar o número de videogames com a tecnologia em 2013.

Fonte: Yahoo

Porque a Microsoft nao quer adotar o Blu-ray

Pensavam muitos que quando a Toshiba anunciou o fim do fabrico de players HD-DVD a Microsoft como boa empresa capitalista iria anunciar suporte ao formato blu-ray. Puro engano de todos nós, sabemos como a Microsoft e a Sony nao se cheiram e também as intenções da Microsoft em manter o HDi vivo, uma tecnologia que pertencia a camada de desenvolvimento do hd-dvd, e quem sabe acopla-la ao Xbox Live Arcade ou o media center.

Fonte: Thestandard

Blu-ray BD+ crackeado

Se dependesse de Richard Doherty o padrão BD+ usado pelo formato Blu-ray só seria quebrado dentro de 10 anos.

Acontece que nem 8 meses passaram e lá se foi a protecção do BD+ permitindo a copia de arquivos para formato blu-ray.

Microsoft vai lançar XBox 360 com leitor Blu-ray

 

Ciente da derrota da amiga que ela apoiava a Microsoft ja se movimenta para nao perder o barco dos formatos de midia. Rumores ja dao conta de que a Microsoft deverá comercializar dentro de 3 meses uma versao do XBox 360 com leitor de Blu-ray.

Para ja parece que inicialmente poderá ser lançado um leitor externo, mas com o tempo, a consola poderá vir com um leitor interno de blu-ray.