NAT (Network Address Translation) IV

Na 3ª parte deste artigo vimos o processo de encaminhamento e recepção de pacotes numa rede habilitada com NAT. Uma tecnica como NAT suporta sobrecarga de endereços onde um unico endereço inside global suporta todo o processo NAT. Na realidade esta é a tecnica mais utilizada na prática já que os endereços publicos sao caros e definir uma pool de endereços publicos numa pequena ou média organização sairia dispendioso.

Como isto funciona? Repare na figura abaixo:

É definido um unico endereço inside global. Quando o host 10.1.1.2 deseja enviar um pacote para o endereço outside global 192.168.0.1 o roteador consulta a sua tabela NAT e realiza a tradução. Como apenas existe um endereço inside global o roteador retira o endereço inside local 10.1.1.2 do cabeçalho e adiciona ao cabeçalho o endereço de origem inside global 172.16.0.1. Mas antes a tabela NAT é adicionada uma tradução como listada acima: Para diferenciar os endereços dos hosts inside local 10.1.1.2 e 10.1.1.3 com um unico endereço inside global 172.16.0.1 sao atribuidas portas.

No caso dos endereços inside local o numero de portas começa a partir de 1024.

Como se pode observar na tabela acima o endereço inside local 10.1.1.2:1723 é associado ao endereço inside global 172.16.0.1:1723.

Conforme ia dizendo assim que o cabeçalho é encaminhado ao destino 192.168.0.1:23 nenhuma informação a respeito do endereço inside local existe no cabeçalho ip. Quando o endereço inside global 192.168.0.1:23 (o destino) responde ao host 10.1.1.2 como o roteador consegue associar o pacote recebido do destino com o host 10.1.1.2 já que a informação sobre o host 10.1.1.2 foi removida do cabeçalho e este cabeçalho apenas possui informação sobre o endereço inside global 172.16.0.1 (endereço de origem)?

Simples! Quando o pacote chega a interface serial do roteador o mesmo consulta a sua tabela NAT e  associa o endereço inside global 172.16.0.1:1723 ao endereço inside local 10.1.1.2:1723 encaminhado o pacote ao seu destino.

2 pensamentos sobre “NAT (Network Address Translation) IV

  1. Nataniel esse é um artigo muito importante, sobretudo para que vai fazer o exame de ccna visto que o nat também caiu no meu teste não só como lab, mais tambem tinha questoes relacionadas a ela. parabéns os artigos estão muitos fixes.

    forçaaa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s